Demi Lovato tem que se desculpar depois de sua visita a Israel

Demi Lovato esbanjou alegria ao falar sobre sua visita “mágica” a Israel, dizendo que sentia um “senso de espiritualidade” lá.

Agora, a estrela pop e atriz de 27 anos está se desculpando com aqueles que podem ter sido ofendidos por sua viagem.

Em Israel, Lovato fez três postagens no início desta semana no Instagram, onde ela tem 74 milhões de seguidores, falando brilhantemente sobre o país.

“Entertainment Tonight” relatou que as reações a esses posts incluíam críticas de acusá-la de promover ou apoiar Israel, apesar do tratamento do país com os palestinos, e sugeriram que ela estava adotando uma posição política sobre o conflito.

Em uma postagem na quarta-feira em sua história no Instagram, Lovato escreveu: “Estou extremamente frustrado. Aceitei uma viagem gratuita a Israel em troca de alguns posts. Ninguém me disse que haveria algo de errado em ir ou que eu poderia estar ofendendo alguém. Com isso dito, desculpe-me por machucar ou ofender alguém, essa não era minha intenção. Às vezes, as pessoas apresentam oportunidades e ninguém lhe diz a reação potencial que você poderia enfrentar em troca. Isso deveria ser uma experiência espiritual para mim, NÃO UMA DECLARAÇÃO POLÍTICA. Agora percebo que isso machuca as pessoas e por isso sinto muito. Desculpe, não sou mais educado e desculpe-me por pensar que esta viagem foi apenas uma experiência espiritual. ”

A postagem permanece disponível on-line apenas por 24 horas, mas foi preservada e compartilhada na captura de tela.

Em Israel, Lovato postou do Centro Nacional Shalva em Jerusalém para crianças com necessidades especiais. Ela também se encontrou lá com a popular Shalva Band, que rejeitou a forte possibilidade de ser escolhida para representar Israel no concurso de músicas do Eurovision devido a ensaios obrigatórios no Shabat.

Outro posto era de Yad Vashem, o centro de lembranças do Holocausto em Jerusalém, e o terceiro mostrava Lovato sendo batizado no rio Jordão.

“Há algo absolutamente mágico em Israel”, escreveu ela. “Nunca senti um senso de espiritualidade ou conexão com Deus … algo que sinto falta há alguns anos. A espiritualidade é tão importante para mim … ser batizado no rio Jordão – o mesmo lugar que Jesus foi batizado – nunca me senti mais renovado em minha vida.

“Esta viagem foi muito importante para meu bem-estar, meu coração e minha alma. Sou grato pelas lembranças feitas e pela oportunidade de poder preencher o buraco do tamanho de Deus em meu coração. Obrigado por me receber, Israel.

Lovato desativou os comentários nas postagens, possivelmente por causa de reações negativas à sua visita.