Meia uruguaio faz os dois gols na vitória por 2 a 0 diante do América, no Mineirão. Rival na decisão será o Atlético-MG, que superou a URT na outra semifinal da competição

O Cruzeiro vai enfrentar o maior rival Atlético na final do Campeonato Mineiro. Nesta noite de domingo, a Raposa só precisava de um empate, mas venceu o clássico contra o América por 2 a 0, com ambos os gols marcados pelo uruguaio De Arrascaeta. Com o triunfo, a equipe celeste volta a uma decisão de estadual após dois anos parando na semifinal. As duas partidas contra o Galo serão jogadas nos dias 30 de abril e 7 de maio.

O América repetiu a postura do primeiro jogo e começou melhor, marcando bem e assustando a meta de Rafael. Porém, o Coelho acabou pagando caro por não conseguir concluir suas ações em gol. Pouco depois de Renan Oliveira carimbar a trave, Diogo Barbosa desceu em velocidade pela esquerda e cruzou para Arrascaeta abrir o placar e dar mais tranquilidade ao Cruzeiro. A partida seguiu equilibrada mesmo após o gol, mas o papel das equipes foi invertido em campo, agora com o Cruzeiro bem mais solto e levemente superior ao adversário. Sem mais chances reais de gol, a Raposa foi para o intervalo com sua vantagem ainda maior.

No segundo tempo, a partida voltou a todo vapor. Em menos de cinco minutos, Hudson carimbou a trave de João Ricardo e quase marcou o segundo. O América não deixou barato e também ameaçou, mas Hugo Almeida parou duas vezes no goleiro Rafael, que executou um milagre na segunda oportunidade. Precisando virar a partida para alcançar a vaga, o Coelho foi pra cima e insistiu na base do abafa, mas ficou só no quase e ainda recebeu o golpe final no apagar das luzes. Aos 45, Hudson atacou de ponta, fez fila dentro da área e deixou de presente para Arrascaeta marcar seu segundo no jogo e fechar a conta. 2 a 0 placar final.