Local foi projetado para atender mais de mil pessoas por dia.

O Centro de Convenções Jacob K. Javits, conhecido como Javits Center, é um grande centro de convenções localizado na 11ª Avenida, entre as ruas 34 e 40, em Hell’s Kitchen, Manhattan, New York. Ele foi projetado pelo arquiteto James Ingo Freed, da Pei Cobb Freed & Partners.

O local foi transformado em um hospital de campanha para ajudar no combate ao crescente número de casos de coronavírus na região. O hospital é gerenciado pelo Corpo de Engenheiros do Exército, Guarda Nacional e FEMA.

Nesta semana, a colunista e repórter Marisa Abel esteve no local para conferir as mudanças. “A transformação deste grande centro de convenção em um hospital de campo foi uma solicitação do prefeito Bill de Blasio e o governador Andrew Cuomo ao presidente Donald Trump”, disse ela. “Mas tiveram que acontecer várias reuniões até que o projeto se tornasse realidade”, continuou.

As novas instalações médicas foram projetadas para atender pacientes diagnosticados com o novo coronavírus, que causa a COVID-19, liberando os hospitais de Nova York existentes para expandir sua luta contra o coronavírus. “Você está em uma guerra contra uma ameaça invisível”, disse o Chefe do Estado Maior do Exército, James McConville, a médicos que atuam no Javits Center.

Desde segunda-feira, dia 06, o hospital pode ajudar a salvar cerca de mil vidas por vez. Na próxima semana, haverá três mil camas.Aproximadamente 600 profissionais da área médica e de apoio trabalham no Javits Center. O Exército é oficialmente o último recurso, usado somente depois que os recursos federais da cidade, condado, estado e civil se esgotam.