Bandeira do Brasil

A Bandeira do Brasil é um dos quatro símbolos nacionais. Os outros símbolos nacionais são o Hino Nacional, as Armas Nacionais e o Selo Nacional.

Bandeira oficial do Brasil
Bandeira oficial do Brasil

Significado das Cores da Bandeira do Brasil

A bandeira atual, aprovada pelo Decreto nº 4 de 19 de novembro de 1989, manteve a tradição das cores verde e amarelo.

Embora seja popular a ideia de que as cores representam a abundância de matas e ouro, a verdade é que o verde é uma referência a Dom Pedro.

Verde – cor do brasão da família Bragança, monarcas e Portugal.

Amarelo – homenagem à primeira mulher do imperador, Maria Leopoldina de Habsburgo. Por sua vez, o amarelo é a cor da dinastia Habsburgo, que governava a Áustria, a terra de Leopoldina. Também remete ao Sol e significa a cor do Império.

Azul – homenagem à Maria, padroeira de Portugal

Branco – desejo de paz

Formas da Bandeira Nacional

Losango amarelo – representação da mulher como mãe, esposa, irmã e filha.

Círculo azul – emblema antigo que foi usado pelos romanos e que já aparecia na bandeira.

Constelações – alusão ao aspecto do céu na cidade do Rio de Janeiro, às 8 horas e 30 minutos do dia 15 de novembro de 1889 – data da Proclamação da República. A disposição das estrelas deve remeter um observador situado fora do círculo, como detalha a Lei nº 8.421.

Significado das Estrelas na Bandeira

No círculo da bandeira são exibidas nove constelações e 27 estrelas em representação a cada uma das unidades da Federação.

A legislação prevê a mudança todas as vezes em que forem acrescentados ou excluídos estados na organização geopolítica da federação.

Bandeira do Brasil estados
Estrelas da Bandeira Nacional

Lema Positivista

O céu da bandeira é “cortado” por uma faixa branca ascendente com a inscrição “Ordem e Progresso” em verde.

O lema positivista refletia a inclinação política da época de que o conhecimento científico era a única forma de conhecimento verdadeiro.

Críticas não foram poupadas à escolha e várias mudanças foram propostas, sem sucesso. Entre as mais significativas estava a do senador Carlos Rodrigues, em 1896, que sugeria a inscrição “Lei e Liberdade”.

Usos da Bandeira Nacional

A Bandeira Nacional é hasteada nos dias de festa ou de luto nacional. Todas as repartições públicas devem exibir uma, bem como escolas de todos os níveis e sindicatos.

As escolas públicas ou particulares devem, obrigatoriamente, hastear a bandeira ao menos uma vez por semana no decorrer do ano letivo. À noite, se hasteada, a bandeira deve ficar sempre iluminada.

Quando várias bandeiras forem hasteadas ao mesmo tempo, a do Brasil deve ficar ao centro, ser a primeira a atingir o topo e a última a descer.